‘Ahhhh, português?! Afinal não era francês nem espanhol mãe!

Saímos do escritório e caminhámos em direção à estação de metro. A estação, de linhas sóbrias e a precisar de um facelift urgente, estava, como habitualmente, apinhada de gente. São milhares de pessoas a rumarem aos extensos bairros residenciais de Bucareste depois de um dia de trabalho. O cheiro característico do metro já se tornou parte da família, assim como as barulhentas viagens no final do dia. Estas contrastam com o silêncio da manhã. Embora viajemos tipo sardinhas enlatadas, nas horas matinais reina o silêncio nas carruagens.

Metro - Estação Piata Unirii 1

Mas a viagem de ontem foi mais engraçada que todas as anteriores. Um menino pequenino, com os seus cinco ou seis anos, entretinha-se a jogar no telemóvel da mãe. Sentava-se ao lado do meu irmão e, ao ouvir-nos falar, ia dizendo em romeno para a sua mãe: ‘Estes senhores estão a falar espanhol‘. A mãe sorria e dizia: ‘Acho que não é espanhol…‘. Os pequenos olhos, que mal se desviavam do ecrã do telemóvel, viraram-se rapidamente para nós, com um olhar envergonhado, como quem busca por uma resposta. Mas não dissemos nada. Continuámos em amena cavaqueira e o nosso pequeno companheiro de viagem continuava tão atento ao jogo como à nossa conversa.

É francês! Os senhores estão a falar francês!‘. A mãe responde dizendo que francês também não é, mas que não sabe que língua estranha estariam tais senhores a falar.

Tu falas inglês, pergunta-lhes!‘ – insistiu o menino.

Mas a resposta não demoraria muito a chegar. A próxima estação era a nossa saída e para matar a curiosidade ao pequeno viajante o meu irmão respondeu: ‘Portugalia!

– ‘Ahhhh, português?! Afinal não era francês nem espanhol mãe!

– ‘Eu disse-te que não era nenhuma dessas, mas também não sabia qual era‘, respondeu a mãe com um grande sorriso.

E assim regressámos a casa. Quem sabe, no futuro, teremos aqui mais um falante da nossa língua!

Anúncios

4 opiniões sobre “‘Ahhhh, português?! Afinal não era francês nem espanhol mãe!

  1. Boa tarde Alberto,

    Antes de mais os meus parabéns pelo blog. Estou a considerar a hipótese de me mudar para Bucareste e a informação prestada tem sido bastante útil.

    Gostaria de lhe colocar algumas questões mais privadas sobre a cidade e não só…Será que podia, por favor, contactar-me e facultar-me o seu endereço de email? Penso que consegue visualizar o meu através deste comentário…

    Obrigado e bom fim de semana!

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s