Berço de reis

Perdido nos Cárpatos, a meio caminho entre Brașov e Bucareste, encontramos um castelo saído dos melhores desenhos animados da Disney. Local de nascimento de reis, príncipes e princesas, Peleș é um símbolo da velha monarquia romena e hoje, a par das estâncias de esqui que rodeiam a localidade que acolhe o castelo, um dos princípais focus de atracção turística do país.

Deixamo-nos rodear por majestáticas montanhas. Os seus picos, nos longos meses de Inverno, cobrem-se de um gélido manto branco. No Verão, a mancha verde fornece sombra a raposas, veados, ursos e lobos. Este é um local de monarcas. Quem estudar a História da Roménia vai perceber que muitos dos seus reis, príncipes e princesas nasceram em Sinaia. Mas o que atrai a realeza a este local? Na realidade não sabemos, mas contam-nos os livros que Carol I, o primeiro rei romeno, apaixonou-se pelo cenário campestre que Sinaia oferecia. Cedo mandaria contruir um castelo apalaçado e estabeleceria a Real Quinta de Sinaia. Foram estas as primeiras ordens para se iniciar a construção do Castelo de Peleș.

Apesar de ter demorado mais de 40 anos a estar realmente completo (de 1873 a 1914), Peleș foi inaugurado dez anos após o início da sua construção. Para um rei de origem alemã, a arquitectura foi confiada a um arquitecto germânico, embora, posteriormente, o castelo tenha tido contribuições de um segundo arquitecto checo. Os traços de Peleș, um misto de neo-renascentismo com toques da Bavária, estendem-se além do castelo, incluíndo ainda a outras edificações de apoio como um chalé, os estábulos e até uma pequena central eléctrica. Com o fim da monarquia, o Estado romeno abre, ainda que por breves momentos, o castelo ao público. Este viria a ser fechado definitivamente a partir de 1975, vendo apenas novamente turistas após 1989, o ano da Revolução. É conhecido o desprezo com que Nicolae Ceauşescu se referia a Peleș.

Este local mágico é hoje um importante destino turístico na Roménia. Sinaia, a localidade mais próxima, é também conhecida pelas suas estâncias de esqui. No final de contas, estamos nos Cárpatos e, à imagem das grandes montanhas da Europa, também aqui encontramos resorts turísticos que se enchem no meses frios com praticantes de desportos de Inverno.

Para quem visitar a Roménia e tiver tempo para dar uma saltada aos Cárpatos, Peleș e Sinaia ficam a poucos quilómetros de distância de Bucareste e no caminho da capital para a Transilvânia. Acessível de carro, autocarro e comboio.

Anúncios

Uma opinião sobre “Berço de reis

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s