MEMÓRIA INDUSTRIAL

Este post não é para o turista habitual! Quem diria que entre prédios de habitação, mercados e a linha férrea encontraríamos esta relíquia industrial?

1

Longe do centro da cidade, num dos antigos e extensos complexos industriais, escondido entre paredes gigantes, jazem antigas fábricas.

Algumas ao abandono, deixadas ao Deus dará, outras numa morte lenta e agonizante, lutando contra as tecnologias de ponta dos tempos modernos. Mesmo para quem aqui vive nunca imaginaria o que está dentro destes pavilhões revestidos a tijolos vermelhos e vidro.

São vestígios de uma Roménia pesadamente industrializada, alinhada pela metalo-indústria soviética. Daqui saiam máquinas prontas para a guerra, para equipar centrais nucleares e barragens.

Hoje, os seus trabalhadores altamente preparados resistem ao avanço tecnológico, mantendo instalações e equipamentos a funcionar como se em 1960 estivéssemos.

Uma viagem ao interior destes gigantes, a preto e branco, com pó e ferrugem. Uma viagem no tempo; um tempo passado que coabita com a agitada e viva cidade lá fora.

DSC08646

Esta é a banda sonora para acompanhar as fotos. Vamos à fábrica.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s