A senhora está de saída?

Os protestos da passada sexta-feira, 10 de Agosto, parecem não ter tido qualquer efeito. Apesar da violência policial, o Governo continua de pedra e cal. Contudo, pela primeira vez, uma das principais vozes de apoio ao líder dos sociais-democratas, Bogdan Chirieac, veio a público sugerir a saída da Primeira-Ministra Viorica Dăncilă. Com a Presidência do Conselho da União Europeia ao virar da esquina, que Governo estará cá para presidir à máquina europeia?

Read More A senhora está de saída?
Anúncios

Somos todos Roménia?!

São negras as nuvens que cobrem os céus dos palácios de Primaveri, de Cotroceni e do Parlamento. Há jogos de política que põem em causa qualquer definição de democracia. Iohannis, Dăncilă e Dragnea são actores desta super produção que enche páginas de jornais, coloca milhares na rua e que, no fim, pode mesmo colocar a Roménia em rota de colisão com a democracia ocidental. No fundo, quem mais sofre é o Zé Povinho! Num país que continua sem desenvolver as mais básicas infra-estruturas nas áreas da saúde e dos transportes, como se pode entender que o objetivo central do Governo e do Parlamento seja, de novo, institucionalizar a corrupção em todas as áreas do sector público? O povo voltou à rua.

Read More Somos todos Roménia?!

Guerra Fria

Não são apenas as relações entre Moscovo e Washington, entre a década de 50 e 90 do século passado, que podemos classificar como Guerra Fria. Também aqui, entre Cotroceni e Victoriei, reina uma autêntica guerra gelada entre Governo e Presidência da República. Mas ao contrário do sistema jurídico português, onde o Presidente detém o poder de dissolver o Parlamento, aqui o confronto é prolongado no tempo e, perante a audiência nacional, é um jogo quase diário de palavras. Quem será o primeiro a desistir?

Read More Guerra Fria

Há linhas que nos (des)ligam

No ano em que a Roménia celebra o seu primeiro centenário, pergunto-me se a inexistência de uma rede de auto-estradas poderá ser motivo para a falta de integração regional. A resposta não é clara. Mas olhar para o mapa da Eunião Europeia, e constatar a falta de infra-estruturas rodoviárias no país, leva-nos a pensar sobre o que é feito de tantos milhões de fundos comunitários. 

Read More Há linhas que nos (des)ligam

House of Cards

Não, não vou falar de nenhuma super produção norte-americana. Hoje a “guerra” é bem real e põe o mundo político romeno num reboliço total. O guião leva-nos por uma história de traição e ameaça. Um líder corrupto e a sua vontade desmedida de se manter no poder. Esta é a realidade de um país que em menos de doze meses perdeu o seu Primeiro-Ministro duas vezes, não por causa da oposição, antes por manobras pouco claras do seu próprio partido. As pipocas estão prontas? O episódio está prestes a começar!

Read More House of Cards

Adeus Mihai

Com 96 anos de idade e um estado de saúde muito debilitado, Miguel (Mihail) faleceu no dia 5 de Dezembro, na sua residência na Suíça. Vamos ao baú da história conhecer o homem que reinou o país em duas ocasiões diferentes e que acabou por ser o último monarca para lá da Cortina de Ferro.

Read More Adeus Mihai

Mais uma moedinha, mais uma voltinha

Começam a chegar ao Velho Continente as ondas de choque dos protestos em Bucareste (e um pouco por toda a Roménia). O motivo? Corrupção e mexidas no sistema fiscal. Não que a população se manifeste contra a corrupção em si, antes pela institucionalização da mesma. Para quem segue o blog, esta é a segunda vez, em menos de um ano, que o mesmo Governo tenta aprovar decretos-lei que tornam o país no único Estado da União Europeia onde a (pequena) corrupção, em vez de combatida, seria acarinhada pela máquina pública! Há, também, outra razão para a saída à rua: uma “Revolução Fiscal” (já aprovada) que implica, na prática, uma descida do salário de todos os funcionários (públicos e privados). Assim, a partir de 1 de Janeiro de 2018, os funcionários serão chamados a pagar os impostos sobre todo o rendimento que usufruem (ficando a entidade empregadora com a responsabilidade de descontar apenas 2,5%), equivalendo, em média, a um corte de 20% no salário.

Read More Mais uma moedinha, mais uma voltinha

Quarta-Feira Negra, epifania governamental ou experiência social?

A anúncio desta tarde deixou a Roménia em pé de guerra: o mesmo Governo/Partido que aprovou (e depois recuou) o decreto-lei que institucionalizava a corrupção, o mesmo Governo/Partido que liberalizou os salários dos funcionários da administração local e que prometeu aumentos a todos os trabalhadores públicos na ordem dos 50%, acaba de aprovar a transferência da responsabilidade das contribuições sociais das empresas para os seus funcionários. Na prática, a partir de 1 de Janeiro de 2018, os funcionários serão chamados a pagar os impostos sobre todo o rendimento que usufruem, equivalendo, em média, a um corte de 20% no salário. Será este um paraíso para as empresas ou o princípio de uma catástrofe económica?

Read More Quarta-Feira Negra, epifania governamental ou experiência social?

Um país entre Reis

Ferdinand e Carol são dois nomes maiores na História da Roménia. Monarcas, Reis de um reino que se estendia para lá dos Cárpatos, governaram o país e deixaram a sua marca. Hoje, a República não esquece os seus nomes. Em Bucareste são nome, entre outros, de duas boulevards. Percorrer estas duas vias é uma autêntica viagem pela história da Roménia: o histórico, o clássico e o moderno; o melhor e o pior de uma sociedade que, pela sua posição geográfica, é um misto do mundo latino e eslavo, sem nunca esquecer as vizinhas Turquia e Grécia. Vamos caminhar?

Read More Um país entre Reis